READING

Fala Filhão | Na estreia de sua coluna, Leo Janeir...

Fala Filhão | Na estreia de sua coluna, Leo Janeiro seleciona suas 20 bolachas de house preferidas

Warung, Warung Recordings, Beehive, Brazil Music Conference, Cocada. A quantidade de projetos que Leo Janeiro está envolvido é bastante impressionante e esse número cresce a cada a nova temporada. O DJ e produtor carioca é um dos maiores agitadores da cena eletrônica no Brasil e detém um conhecimento e experiência que se justifica na força que ele oferece para muitos talentos por aqui – dentro e fora das pistas.

Assumidamente, house music é uma de suas maiores paixões. Foi ela que o pegou pelo braço e levou para mostrar o quão grande esse mundão pode ser. É como o relacionamento de um camisa 10 com a bola: Leo e as batidas do house se entendem como poucos. Em seu apartamento no Rio de Janeiro, Leo ostenta uma coleção com algumas preciosidades do estilo e sempre que o assunto está em pauta, ele fala com orgulho de suas preferências.

Dito isso, fica fácil entender a escolha do assunto que marca a estreia de sua coluna bimestral aqui no Alataj. Daqui pra frente, Leo Janeiro assume o comando e nos entrega uma lista preciosa com 20 discos de sua coleção que ele não venderia pra ninguém. Esse é o primeiro capítulo da Fala Filhão:

Byron Stingily – Get Up Everybody

​House music na sua essência. Nos vocais Byron Stingiy, com remixes assinados por Mousse T, Roger S aka Roger Sanches e Derrick Carter. Sempre gostei do Paradise Mix.

Cajmere feat. Dajae – Brighter Days (Masters at Work Remix)

Timeless music! Mr. GV com o seu alter ego para a House Music, Cajmere, com as vocais de Dajae e o remix do Master at Work! Fracos né [risos]? A letra se encaixa perfeitamente para os dias de hoje, mensagem positiva!

The Juan Maclean – Happy House

Esta é pra sempre. Uma música que tem o nome de Happy House é bom demais e ainda de quebra possui um vocal incrível. Saiu pela DFA records cujo um dos fundadores é o James Murphy do LCD Sound System.

Derrick Carter – Where U At

Com vocais gravadas pelo próprio Derrick Carter, essa track se tornou indispensável nas pistas de house. Com certeza absoluta um dos DJs que mais me inspiraram durante minha carreira.

Frankie Knuckles feat. Jamie Principle – Baby Wants to Ride

Uma das parcerias mais incríveis da história da House Music. Frankie e Jamie imortalizaram duas faixas que são clássicos desde então. “Baby want to ride so high, baby want to ride, for love, here we go”

Nuyorican Soul feat. India – Runaway

Banda formada por Kenny “Dope” Gonzalez e Little Louie Vega. Runaway foi imediatamente para todas as pistas, nos vocais India (sensacional), aquela para finalizar qualquer festa.

CJ Bolland – Sugar Is Sweeter (Armand van Helden Mix)

Sensacional o remix do Van Helden, talvez traduza o que foi esta época. A versão original é considerada uma das primeiros tracks de speed garage.

Mike (Hitman) Wilson feat. Shawn Christopher – Another Sleepless Night

É aquela frase: a união faz a força. MHW um dos grandes produtores da época e a então backing vocal da Chaka Kan, Shawn Cristopher, abrem as portas dos anos 90 com esta track que é um dos meus discos preferidos.

The Believers (Roy Davis Jr.) – Who Dares To Believe In Me?

Até hoje uma das tracks mais incríveis da minha case. Mr. Roy Davis Jr is in the house.

DJ Sneak – You Can’t Hide From Your Bud

Um dos grandes lançamentos da Classic Music Company – um dos meus labels preferidos. DJ Sneak na minha opinião com seu maior clássico aqui, com direito a samples de Teddy Pendergrass. Classic tune!

Junior Jack – Thrill me 

Esta é uma daquelas que quando você vira o povo vem junto, com um break down que geralmente cabem diversas acapelas ate hoje presente nos meus sets.

Planet Soul – Set u Free

Quando eu escutei a primeira vez na loja de disco, me perguntei: que porra de track é essa com um beat do Planet Rock no meio e uma desaceleração meio French Kiss? Depois descobri que o projeto era do George Acosta – um produtor local de Miami que estava produzindo muita coisa bacana.

Aly-Us – Follow Me

Hino das festas de house, um dos hits dos anos 90 .

Kerri Chandler – The Shelter

Master Kerri e um dos seus primeiros sucessos, até hoje presente em alguns dos seus sets e na minha case!

Deep Dish feat. Tracey Thorn – The Future of the Future (Stay Gold)

Umas das musicas mais bacanas do duo, em parceria com a metade do Everything but Girl, retirada do álbum Junke Science que é um clássico!

Ralphie Rosario – You Used to Hold Me

Uma das tracks mais sampleadas dentro da house music, versão original sempre causa na pixxxta!

Pete Heller – Big Love

Foi com certeza absoluta uma das tracks que mais toquei nos anos 90, Pete Heller fez um clássico.

Somore – I Refuse (What You Want) Feat. Damon Trueitt (Phil Weeks Robsoul Mix)

Presente na minha lista, este remix do Phill Weeks faz parte daquele grupo de vinis que você sabe que vai tocar sempre que pode. Presença obrigatória na case!

Jay Dee – Plastic Dreams

Voltando no tempo, estava eu na Val Demente (festa icônica do underground carioca nos anos 90), quando escuto pela primeira vez esta música. Fiquei completamente hipnotizado por toda atmosfera que ela trazia na época e até hoje tem o mesmo sentimento, com certeza uma track indispensável nessa lista.

Daft Punk – Burnin

Uma faixa que realmente sempre gosto de tocar, Burnin com certeza é uma das minhas preferidas, disco house daqueles que a pista adora!

A MÚSICA CONECTA.


Alan Medeiros é publicitário, sócio-fundador do Alataj e nome por trás da Beats n' Lights Management.

RELATED POST

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSTAGRAM
SIGA-NOS