2016 mal começou, mas nós já estamos amando esse ano. Ao que tudo indica, será uma temporada de muitas novidades nas pistas brasileiras e se engana que esse rotina de novos artistas acaba com o fim do Carnaval. A chegada de um dos principais nomes do tech house nos últimos anos, na semana seguinte após o principal feriado nacional deixa a seguinte mensagem no ar: 2016 vai ter muita pista boa pra dançar! 

O que mais tem chamado a atenção nos line ups desse ano é a inteligência das curadorias. Novidades, ano após ano nós acompanhamos por aqui, mas alguns gringos que estreavam em pistas brasileiras pareciam um tanto quanto perdidos ou fora de contexto. Agora, por uma série de motivos, que inclui o público com uma voz mais ativa na escolha das casas e a margem de erro mais estreita, as apostas tem sido certeiras.

Prova disso é a chegada de alguns nomes pedidos a muito tempo entre os clubbers brasileiros. Metodi Hristov é um dos mais emblemáticos dessa lista. O furacão búlgaro é conhecido por seu tech house cheio de identidade que mescla elementos sombrios da vertente, com pitadas clássicas de house music. Seu reconhecimento vai além do público: O release “Step Outside” foi citado por Matthias Tanzmann como um dos melhores dos últimos anos. Além do chefe da Moon Harbour, outros medalhões já se renderam ao talento de Metodi. A lista é grande e inclui artistas do calibre de Marco Carola, Richie Hawtin, Joris Voorn, André Crom e Pan Pot.

Sua identidade musical é colocada a prova em faixas como “Popcorned”. Altas doses de groove e uma levada cuidadosamente cadenciada constituem uma fórmula matadora na pista, com efeito similar ao de um furacão em uma praia pouco habitada. Seu remix para “Dibiza” – do Danny Tenaglia – é outra track adorada na pista. Não há exageros na música de Metodi Hristov, seus elementos são bem colocados e seus sets são construídos com muita classe.

A tour do produtor pelo Brasil é assinada pela Trust – uma nova agência que irá trabalhar fortes em nomes como o do búlgaro em 2015 – e já tem duas datas confirmadas na região sul. Dia 13 de Fevereiro ele desembarca no Terraza BC em Balneário Camboriú e dia 20 em Curitiba, no Zeitgeist. Não precisamos nem dizer o quanto estamos animados para vê-lo em ação. A música conecta as pessoas!