READING

A certíssima proposta do Xama 2019 cria espaço par...

A certíssima proposta do Xama 2019 cria espaço para artistas e coletivos brasileiros

Gop Tun e Selvagem vão aquecendo a fornalha para o Xama 2019. Já com todas as informações mais cruciais divulgadas e os principais updates ganhando a luz do dia de forma gradual, a escalação começa a mostrar seus contornos na divulgação que antecede a festança que está marcada para a paradisíaca Praia de Algodões na Bahia.

Em uma boa iniciativa, a organização do festival optou por apostar todas as suas fichas em DJs, produtores e núcleos daqui do Brasil. Diferentemente do que é feito pela maior parte dos eventos do nosso calendário, o festival é quase que inteiramente formado por artistas e organizações que fazem a cena acontecer nos quatro cantos do país. É aquela velha história de dar apoiar os heróis locais que a gente tanto comenta, né?

Parte desses núcleos você já acompanha há algum tempo aqui no Alataj, enquanto outros possuem um certo ar de novidade em nossa rede de conteúdo. Nesse processo de preparação para o fim do ano em Algodões, estamos elaborando uma série especial de entrevistas com os coletivos escalados para a primeira edição do Xama. Em antecipação a esses bate-papos, montamos uma guia rápido dos selecionados para você já ir se ambientando. Vem que tem:

Gop Tun | Caio T, Gui Scott, Nascii e TYV formam o quarteto fantástico responsável por dar vida aos sonhos da trupe paulistana, referência absoluta dentro da dance music a nível nacional e organizadores do já consagrado Dekmantel Festival São Paulo.

Selvagem | Millos Kaiser e Trepanado são dois dos nossos diggers mais profundos no momento. Através do alter ego Selvagem, eles não encontraram apenas um nome para rodar o mundo com seus DJs sets versáteis e envolventes, esta também é a alcunha de uma das principais festas da maior cidade do país.

1010 | Em BH a cena tem se transformado de uma maneira muito positiva graças ao trabalho de Omoloko, Moretz e toda crew da 1010. Desde o ano passado eles tem colaborado com a Gop Tun em alguns eventos importantes e no Xama chegam com status de protagonistas.

Alter Disco | Só quem foi em uma festa da AD sabe quão interessante é a atmosfera criada por Bárbara Boeing, Phil Mill, Sena e Rotunno. O quarteto de amigos da capital paranaense reúne características indispensáveis para construção de um bom trabalho, entre elas o amor incondicional pela música.

Climão | Um encontro mensal de música boa e galera animada. Assim se auto descreve o coletivo Climão, que no Xama 2019 estará representado por Gigios e o sempre criativo Carrot Green. Simplicidade e qualidade que muitas vezes faltam na música eletrônica.

Discoteca Odara | Também de Curitiba vem o faraó Dani Souto, mente brilhante por trás da sempre divertidíssima Discoteca Odara, festa que ao lado da Alter Disco tem ajudado a posicionar Curitiba como um polo da disco music no Brasil. Fantastic Man, Esa Wilians, Paramida e Thomas Von Party são alguns dos nomes que já passaram pela pistinha da Odara.

RARA | Bernardo Campos e Filipe Raposo são os responsáveis por dar um toque especial a dance music do Rio de Janeiro através da RARA, festa que já contou com Laurent Garnier, Kenny Dope, Lee Burridge, Miss Kittin e Mark Farina no line up. Vale destacar a presença de Franciso Frondizi, um dos líderes do projeto, e profissional com uma relação intrínseca com a Península de Maraú.

DOMPLy | Craig Ouar e Pino Henrique Pedra representam o coletivo DOMPLy. Carioca de berço, multicultural de coração, a identidade pulsante deste grupo se traduz na amplitude do direcionamento sonoro de seus eventos que partem da música eletrônica rumo aos mais variados estilos.

Neue | De Porto Alegre vem mais um belo case de sucesso frente as cenas house/disco no Brasil – ah, como amamos! JP e PH tocam em b2b representando o coletivo gaúcho responsável por fazer nomes como Mr Mendel, Joutro Mundo e Eric Duncan em POA. Inspiração define!

Além dos 9 coletivos citados e do Na Manteiga Radio, que terá participação importantíssima na programação, há também um Timaço (com T maiúsculo mesmo) de diggers brasileiros confirmados e line up, mas que nessa ocasião não estarão representando um núcleo específico, ainda que tragam consigo um cadinho das sonoridades que mexem o Brasil na pista. Cashu, Valesuchi, Vermelho, Repetentes 2008/Guerrinha, Forró Red Light, Cauana, Kureb, Zuim, Rache, Rico Jorge, Pedro Bertho e Cevallos dão números finais ao line up.

Vale lembrar que o Xama 2019 está confirmado entre os dias 26 de Dezembro e 3 de Janeiro. Todas as informações que você precisa saber sobre logística, ingressos e line up estão disponíveis no site oficial do festival. Acompanhe as nossas redes sociais para saber mais sobre cada um dos coletivos envolvidos. Nos vemos em breve!

A MÚSICA CONECTA.


Alan Medeiros é publicitário, sócio-fundador do Alataj e nome por trás da Beats n' Lights Management.

RELATED POST

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSTAGRAM
SIGA-NOS