Em 25 de Agosto de 2014 criávamos a Troally, uma coluna dedicada a explorar sonoridades até então pouco difundidas no Alataj em uma época onde a curadoria do portal era bem mais ampla e o fluxo de conteúdo bem inferior ao que rola hoje. Nossa ideia era trazer artistas diferentes para o portal sem que o nosso público da época estranhasse.

Funcionou! Muita gente conheceu o Alataj por conta da Troally e, mais do que isso, os sons que decidimos implementar na coluna ganharam todo o site em um curto espaço de tempo. House, techno, minimal, experimental… grandes representantes de diferentes estilos passaram pela coluna, que também falou de arte, moda e comportamento em algumas edições.

// Quero ler todos os conteúdos da Troally

De lá pra cá, mais de três anos se passaram e nós sentimos que, especialmente em 2017, a temática da coluna perdeu um pouco do seu sentido. Derrick May, Stimming, Nina Kraviz, Ryan Elliott e Perc são apenas alguns dos nomes que nós entrevistas nos últimos meses e que, em outrora, certamente seriam encaixados na coluna… mas é necessário dizer que o Alataj é maior do que apenas uma sessão do site.

// Quero receber os conteúdos da Troally por e-mail. 

Por isso, daqui pra frente você conhecerá uma Troally diferente. Os podcasts semanais com entrevistas seguem normalmente e o corpo da coluna passa ser direcionado para arte, comportamento e história relacionado ao true underground. Nossa primeira matéria com essa abordagem rola no dia 28 desse mês e falará sobre o Pyramid Club, um verdadeiro marco na cena drag queen de NY. Estamos preparando algo realmente novo e especial!

Troally é + arte.