READING

Vitrola | O pioneirismo de Maria Fumaça, disco de ...

Vitrola | O pioneirismo de Maria Fumaça, disco de estreia da Black Rio lançado em 1977

Formada em 1976, a Banda Black Rio é uma das grandes expoentes da música brasileira no cenário internacional. A aposta em flertar com diferentes gêneros para criar uma identidade própria é peça fundamental na história do grupo. Dessa forma, as duas gerações da banda exploraram funk, samba, soul, jazz e como você já deve imaginar, black music.

// Quero ler a entrevista com a Banda Black Rio

Com Oberdan Magalhães na linha de frente e referências que vão de James Brown a Funkadelic, a Black Rio foi guiada de forma categórica. Com Maria Fumaça, álbum lançado em 1977, o perfil sonoro da banda ficou ainda mais definido. Ao longo dos 29 minutos do disco lançado pela Atlatic/WEA, soul, funk e samba predominam, mas o que realmente chama a atenção é a forma madura como o grupo experimenta influências americanas e brasileiras com pouco mais de 1 ano de formação.

Maria Fumaça foi o debut da BBR nos estúdios. Parte do sucesso do disco se deve a faixa-título, um verdadeiro clássico da nossa história musical. Outras canções presentes no álbum também conquistaram grande visibilidade. Na Baixa do Sapateiro, Caminho da Roça e Mr Funky Samba são faixas que tiveram seus momentos de brilho. O time de artistas que compõe essa primeira fase da banda também merece destaque e foi essencial para consolidação das ideias ali presentes: Oberdan Magalhães (sax), Lucio da Silva (trombone), Barrosinho (trompete), Jamil Joanes (baixo), Cláudio Stevenson (guitarra e violão), Cristóvão Bastos (teclados e piano elétrico) e Luís Carlos Santos (bateria e percussão) participaram das gravações.

Resultado de imagem para banda black rio 1977

Maria Fumaça conquistou um reconhecimento maior no exterior, principalmente por essa mistura de funk e samba. Entretanto, a atmosfera 100% instrumental do release causou certo estranhamento na gravadora WEA, que exigiu que os discos seguintes tivessem músicas cantadas. Oberdan Magalhães e seu time mantiveram o perfil sonoro da BBR, mas inegavelmente os discos que vieram na sequência não captaram a mesma energia que o debut album conquistou.

Resultado de imagem para banda black rio maria fumaça

Em 1984, Oberdan faleceu e com isso a Banda Black Rio deixou de existir. 16 anos depois, em 2000, seu filho William Magalhães decidiu montar uma nova formação do grupo, respeitando a estética sonora e a construção musical proposta pela primeira formação. Desde então, novos discos foram lançados, dois deles por selos ingleses – Mr. Bongo e Far Out Recordings. O sucessos e a admiração dos gringos pela BBR segue forte e hoje o grupo divide sua agenda entre shows no Brasil e no exterior. Certamente, muito disso se deve ao pioneirismo de Maria Fumaça.

A MÚSICA CONECTA.


Alan Medeiros é publicitário, sócio-fundador do Alataj e nome por trás da Beats n’ Lights Management.

RELATED POST

INSTAGRAM
SIGA-NOS