Who? Demuja

Já falamos por aqui de outros grandes heróis dessa nova geração da house music que pegou de jeito não somente os fãs de um estilo mais clássico, mas também jovens que não estavam dentro da bolha da dance music. O estilo é poderoso e sua levada moderna é um prato cheio para experimentações de produtores talentosos. Um dos destaques dessa cena é o austríaco Demuja.

Demuja tem sua base em Mozart, cidade na região de Salzburg na Áustria. Antes de se envolver com a cena house ele era baterista e dançarino de breakdance. Essa relação direta com o ritmo e a dança certamente exerceu um papel importante na construção de seu perfil sonoro, marcado por uma levada consistente, bases bem trabalhadas e muita criatividade.

Entretanto, engana-se quem pensa que seu boom veio com o despertar dessa nova geração da house music nos últimos anos. Já em 2009, Demuja estava em tour por cidades como Nova Iorque, Paris e Berlim. Após sofrer forte influência de selos como Freerange Records, Traxx Underground, Nervous Records e 124 Recordings, em 2016 Demuja lançou seu próprio label: MUJA, uma plataforma que possibilitou maior liberdade em seus releases. No mesmo ano, Demuja se tornou parte do Bass Camp da RBMA em Viena, tocando ao lado de caras como Shed e DJ Zinc.

Desde então algumas de suas faixas mais importantes ganharam a luz do dia, entre elas Loose Legs, Do You Want My Love, I Want You, Get Up e mais recentemente Soul Brother. Amplamente apoiado por canais como Slav, OOUKFunkyOO e Houseum, Demuja pode e deve ser considerado uma das novas estrelas da house music e seus lançamentos por labels do calibre de Toy Tonics, Freerange e Let’s Play House confirmam isso. 

A MÚSICA CONECTA. 


Alan Medeiros é publicitário, sócio-fundador do Alataj e nome por trás da Beats n’ Lights Management.

RELATED POST

INSTAGRAM
SIGA-NOS