READING

Semana da Produção Musical | Torquato comenta a co...

Semana da Produção Musical | Torquato comenta a configuração básica de um estúdio

Por Andre Torquato

Produzo desde os anos 90, quando possuía apenas um KORG N364 com sequenciador. Na verdade, as ferramentas fundamentais para quem quer fazer musica são musicalidade e criatividade. Baseado na minha história, sempre utilizando o básico, cito aqui elementos que fazem diferença no processo. Essas dicas não são uma regra e lembro que é possível produzir apenas com seu computador e mouse. Um grande exemplo disto é o produtor britânico Fout Tet que lançou recentemente um álbum todo produzido dessa forma.

Resultado de imagem para four tet studio

Computador | É perfeitamente possível você fazer musica sem um computador, mas com certeza os softawares ajudam, simplificam e proporcionam a possibilidade de agregar inúmeras ferramentas virtuais incríveis numa única fonte. Procure adquirir uma máquina com capacidade e memória compatíveis ao requerido pelos programas, caso contrario o computador ira travar e “quebrar” o seu fluxo criativo – se isso acontecer, corre-se o risco de ser quebrado com um soco, mantenha o equilíbrio e conte ate 100 [risos].

Boa cadeira | Uma da coisas mais importantes é estar confortável no seu estúdio , com seu setup configurado de maneira totalmente acessível e ao alcance do seu braço.
Uma cadeira ruim, alem de fazer você se cansar mais rapidamente, pode gerar problemas de coluna ou ate dores nas articulações dos membros superiores.

Se você pretende utilizar vários equipamentos ao mesmo tempo, tenha preferência por instrumentos periféricos. Um patchbay será de grande valia, uma vez que ele torna essa comunicação entre os equipamentos muito mais rápida e simples, já que estes estarão devidamente endereçados e roteados com entradas e saídas definidas. Isso evita aquele “agachar” e “levantar” para trocar cabos P10 e também pode salvar sua coluna.

Resultado de imagem para patchbay studio

Bons cabos | Não adianta você investir em ótimos equipamento e ter cabos ruins. Alem de ruídos, cabos de má qualidade podem comprometer o resultado final.

Monitores | É possível produzir utilizando apenas fones de ouvido, mas com certeza um bom par de monitores irá expandir seus horizontes e sua percepção. É muito comum testar uma música aparentemente perfeita quando ouvida nos fones mas, quando tocadas num P.A. revelam falhas na relação de volumes dos elementos ou nas frequências. Atente-se a isso!

Fones de Ouvido | Os fones são parceiros inseparáveis. Eles e os monitores se complementam e quando você acostuma seu ouvido ao som da sua sala, mesmo que esta não seja ideal, os fones assim como os monitores ajudam a educa-los e permitem aquele ajuste fino na sua mix. Bons fones também pouparão seus ouvidos de um desgaste maior, alem de você poder trabalhar em horários alternativos sem incomodar ninguém.

Resultado de imagem para fone sennheiser

Midi Controller | Mais uma vez digo que é possível produzir apenas com seu mouse, mas assim como os monitores podem expandir seus horizontes na parte auditiva e sensorial, um teclado pode expandir seus horizontes musicalmente. Sempre foi uma grande ferramenta pra mim, portanto recomendo. Mesmo sendo pequeno, com o mínimo de oitavas. (25 teclas)

Músicas referências | Tenha músicas de artistas que sejam referência pra você. Ouvir, ouvir e ouvir por horas e horas nos seus monitores e fones, musicas cuja sonoridade, qualidade de mix e master lhe inspiram, ajuda a criar aquela memória auditiva que você poderá relacionar mesmo que de forma intuitiva aquele padrão sonoro a sua produção.

Drum Machine | Talvez o brinquedo mais divertido para muitos. Alem de amarrar o groove, a bateria eletrônica/sampler tem o som encorpado e proporciona mais peso e mais cor do que um groove feito dentro do software.

Equalizador | Existem ótimos equalizadores virtuais que podem resolver seus problemas, A equalização é a alma da musica, se você já tem a audição afetada como a minha, esse é um grande desafio. Há algumas opções de equalizadores (hardwares) com valores acessíveis e que poderão ajudar muito.

Estabilizador/Filtro de linha | São os anjos da guarda do seu equipamento. A variação de correntes elétricas no Brasil é muito grande e eu já perdi uma máquina por conta disso. Esse equipamento irá proteger seu patrimônio. Há vários no mercado e vale você consultar o vendedor sobre o mais indicado para a quantidade de aparelhos que você pretende ligar.

Interface/Placa de áudio | Esse item é um dos mais importantes. A interface converte o sinal analógico em digital, permitindo a comunicação com os softwares e fazendo com que seja possível ouvir o som que sai do seu computador através dos monitores. Nesse quesito eu me permito ate indicar dois modelos que são quase unanimidade. A Apogee Duet e a Audient. São interfaces com valor honesto e de qualidade indiscutível.

Resultado de imagem para Apogee Duet

Cabos Midi | Especialmente para interligarem equipamentos através das portas in/out ou thru.

Hub USB com alimentação | A maioria dos sintetizadores e instrumentos atuais apresenta, portas USB para se comunicarem com o computador. Se você tem um laptop, com certeza tem um numero limitado de portas usb e com um hub, você multiplica essas portas, podendo ligar vários equipamentos ao mesmo tempo. Eu por exemplo conecto ao uma Toraiz SP-16, 2 HDs externos e uma Akai APC40. O hub com alimentação é totalmente estável e não ha risco de perder o link com suas fontes a não ser que falte energia.

A lista acima não esta em ordem de importância, portanto é um básico ideal na minha opinião. Espero que tenha ajudado!

A música conecta as pessoas! 

Lembre-se:

O encerramento da SPM18 acontece sábado com um workshop exclusivo do Núcleo Atlas em parceria com o AlatajL_cio apresenta seus conhecimentos em torno do assunto construção de live act. Saiba mais aqui.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto


Equipe de reação do portal Alataj, focada em levar conteúdo cultural ao público antenado na música eletrônica.

RELATED POST

INSTAGRAM
SIGA-NOS