Adnan Sharif apresenta Faya, seu novo EP repleto de brasilidades pelo Cocada

Desde que o projeto Cocada começou, conexão sempre foi uma palavra muito presente no seu dicionário e este EP tem muito disso. Adnan Sharif é um artista nascido no Brasil, filho de palestinos, mas que por muito tempo viveu na Califórnia, local onde ele teve contato pela primeiro vez com a House Music, nos anos 90. Incentivado por amigos e motivado pelo crescimento do estilo, começou a carreira de DJ em 1995 no lendário The Gathering, na área da baía de São Francisco.

Depois de 28 anos morando nos Estados Unidos, voltou ao Brasil e criou novas conexões, desta vez com o D-EDGE, atuando na linha de frente com bookings internacionais. Criou uma segunda família, fez muitos amigos e, no carnaval brasileiro de 2020, enquanto se apresentava no tradicional Carnaval D.Rrete, encontrou o label boss do Cocada Leo Janeiro, que ficou encantado com as produções finalizadas que ouviu de Adnan.

Ele então teve a oportunidade de remixar Aruanda, faixa original de Mezomo, lançada no último EP do Cocada, e provou que merecia assinar um trabalho 100% seu. Isso acontece agora com este disco de duas produções originais que faz um resgate à cultura carnavalesca brasileira da velha guarda, quando grandes cantores e compositores eram as estrelas da música em solo verde e amarelo.

Faya, a track de abertura, traz a alegria contagiante do povo latino através do ritmo alegre, dos instrumentos percussivos e dos grooves balançados, enquanto Flecha evoca outro canto clássico da cultura brasileira e é preenchida com uma riqueza de detalhes. É um disco repleto de emoções, conectado com a história e acima de tudo criado para aproximar todos aqueles que se sentem distantes neste momento de isolamento social.

A música conecta.