Alex Stein, Metodi Hristov e mais no primeiro VA de comemoração dos 20 anos da Terminal M

A Terminal M completa 20 anos de história em 2020 e abre a sua terceira década de atividade em ótima forma. A gravadora criada pela respeitada produtora Monika Kruse possui uma forte presença na disputada cena de Berlim e já assinou nomes importantes do Techno como Anna, Stefano Noferini e Transcode. Para coroar o marco dos 20 anos, o selo preparou uma comemoração à altura.

A label head Monika Kruse é uma das pioneiras no eixo Techno de Berlim e deu os primeiros passos de sua carreira logo no início do anos 90. O trabalho da artista ajudou a consolidar o surgimento da dance music alemã com a organização de eventos na Munique do século passado e o lançamento da Terminal M. Segundo ela, a gravadora leva esse nome porque, assim como um aeroporto, os lançamentos do selo permitem que os ouvintes viagem para qualquer lugar.

O calendário de comemorações do aniversário de 20 anos da gravadora iniciou no dia 7 de março, com um showcase no Egg Club, em Londres. A ideia era manter uma turnê de showcases em diferentes destinos ao longo do ano, mas a ação teve que ser suspensa por causa do crescimento da pandemia de covid-19.

Paralelamente à tour de showcases, a gravadora encomendou também uma série de releases que serão lançados em diferentes compilações que serão distribuídas sob dois títulos: The Past, com relançamento dos maiores clássicos do selo e The Future, com produções originais e remixes inéditos para alguns hits da gravadora alemã.

A primeira parte da compilação The Future foi liberada na semana passada e conta com quatro faixas inéditas entregue por um seleto time de DJs. O brasileiro Alex Stein abre os trabalhos com o single Speed of Light e é acompanhado por Metodi Hristov, Drunken Kong e uma collab entre os artistas Luca Marchese e o duo alemão Teenage Mutants. The Future Part 1 está disponível nas principais plataformas digitais e também em vinil 12”.

A música conecta.