Lançamentos

Radar | Jessie Ware, Jungle, Chris Liebing. E mais

Radar na quarta? Temos outra vez! Mesmo com os lançamentos oficiais rolando às sextas-feiras, existe algo místico sobre este dia da semana, que não é começo, nem final, é caminho do meio. Muda-se o dia, mas o conceito é o mesmo: trazer para quem nos lê e nos assiste um bocado de música boa e um momento de pesquisa. Nesse recorte sutil dessa constelação musical teremos titãs da Dance Music, Deep House em sua forma mais elegante, Techno, sons que focam na força da melodia – até mesmo por quem é mais direto e reto -, pitadas de Electro old school e as inevitáveis menções honrosas à safra oito zero. Tem under, tem main, tem pistinha Indie e tem mulherão da porra. Apenas imperdível!

Monday Dreamin’ Blue EP

Artista: Kerri Chandler, Rampa, Dixon, Seth Troxler, Sama Abdulhadi
Gravadora: Circoloco Records

Um dos crossover do momento tem sido colocar o som de pista dentro dos games. A nova parceria é entre uma das festas mais potentes do mundo com a Rockstar Games, do GTA. A série Monday Dreamin apresentará contribuições de alguns medalhões da casa e também nomes promissores da cena. O primeiro capítulo já vem com um time bombástico…

Cheesy Af

Artista: Black Loops
Gravadora: Aterral

Black Loops não erra a mão quando o assunto é Deep House. Sua proposta para Cheesy Af é um House bem profundo, teclas agudas inspiradoras e um vocal distorcido envolvente e 129 BPMs, porque não necessariamente precisa ser lento, né? 

Everything In Motion

Artista: Rhode & Brown
Gravadora: Permanent Vacation

A dupla formada pelos produtores de Munique retorna para a força da Permanent Vacation. O álbum Everything In Motion é composto por nove faixas que carregam bem o dinamismo do projeto que mistura os estilos e os tempos. Um pouco de retrô, de Deep, baterias cruas, futurismo, synths ondulantes, acid… enfim, aquele pack que sempre funciona.

Out Of It

Artistas: Raul Facio, Gabriel Sordo
Gravadora: Totoyov

Somando centenas de lançamentos por selos como SCI+TEC, Natura Viva, Senso Sounds e Voltaire Music, o americano Raul Facio mostra sua faceta minimalista em estreia pela catarinense Totoyov. O EP ganha remix do mexicano Gabriel Sordo, que já havia assinado pela gravadora em julho do ano passado.

Get Together

Artista: Chris Stussy, S.A.M.
Gravadora: Up The Stuss

Chris Stussy e S.A.M, do projeto Mandar, unem forças, ou melhor dizendo, got together para um álbum debut na Up The Stuss, de Stussy. Aqui temos oito músicas de um blend classudo que traz a mentalidade do House minimalista e Deep, com belas melodias. 

One By One (Remixes)

Artista: Diplo, Andhim, Elderbrook
Remix: Vintage Culture, Angelos, Sofia Kourtesis 
Gravadora: Higher Ground

É muito natural e até mesmo esperando, que após um release peso pesado, a série de remixes apareça tempos depois. Na soma entre Diplo e Andhim não foi diferente. One By One retorna à mesa com remodelações, incluindo a do brasileiro Vintage Culture, que tem trabalhado com afinco.

Hot N Heavy

Artista: Jessie Ware
Gravadora: Universal Music Group

A faceta do Pop com sons dançantes é outra mistura que veio forte desde 2019. Agora, a cantora inglesa Jessie Ware lança Hot N Heavy, um ode ao retorno às pistas de dança produzida por SG Lewis, artista que tem se mostrado bastante ativo em suas conexões musicais. 

The Feeling

Artista: Riva Starr, Gavin Holligan
Gravadora: Snatch Records

Aquela dose de House  celebrativo para gente se teletransportar para algum lugar que não o Brasil na atual conjuntura. Riva Starr convoca o cantor e compositor Gavin Holligan para The Feeling, um corte vibrante que tem muita leveza em seu riff nos teclados tanto na versão cantada, quanto na Dub.

Essencial Chrome

Artista: Booka Shade
Gravadora: Blaufield Music

O Booka Shade não tem descanso na Blaufield e volta com o single que marcará uma nova série bissemanal, preparando o terreno para o retorno das festas. A composição traz um território bem conhecido pela dupla, com paisagens sonoras hipnóticas e synths edificantes.

What If The Dead Dream

Artista: Agoria, Ela Minus
Gravadora: Maison Bulle

Agoria é sempre um nome para se ter no radar (não só esse, mas também no seu). What If The Dead Dream é o primeiro single que anuncia seu novo LP, previsto para novembro. A música conta com a participação da colombiana Ela Minus. Uma faixa de Eletrônica, que flui em camadas mais complexas e traz um pouco de melancolia na voz. Atenta!

Step Ball Chain

Artista: Roza Terenzi, D. Tiffany, Tapestry Of Sound
Gravadora: Step Ball Chain

Roza Terenzi e D. Tiffany dão vida ao projeto Tapestry Of Sound. O EP de quatro faixas chega na Step Ball Chain, o selo que Terenzi fundou no ano passado e que traz seu segundo lançamento do catálogo. Uma mistura certeira de Breakbeats, House, Acid e Techno.

Talk About It

Artista: Jungle
Gravadora: AWAL Recordings

O Jungle e sua buena onda de sempre, né? Talk About It aumenta ainda mais a expectativa do que vem por aí no novo álbum da banda de Eletrônica e Indie Rock. A faixa em questão compila batida, melodia e voz no molde inconfundível deles.

Sentient

Artista: Anyma
Gravadora: Afterlife Records

Anyma é o pseudônimo de uma das cabeças geniosas do Tale Of Us. Após grandes voos com o projeto (que segue ativo), Matteo traz agora sua versão solo. Melodias ricas, progressões e um alto teor de sentimentos, características que fazem parte do seu DNA, irrefutavelmente. Um recorte digno de todos amantes do Melodic House & Techno.

Universal Motion

Artista: Alinka
Gravadora: Rekids

Alinka chega na Rekids para sua estreia com Universal Motion. Um quê nostálgico com Ítalo e uma boa dose de sintetizadores e pads mágicos que se misturam à percussão (excêntrico) aparecem no lado A. Já o lado B se desenrola mais Funky e passa a régua com mais nostalgia. Tudo muito interessante com o selo Rekids de qualidade.

Tainted Schall (2k21 Revisit)

Artista: Thomas Schumacher
Gravadora: Electric Ballroom

Tained Schall, além da óbvia referência à Tainted Love, é um mash-up do passado feito por Thomas Schumacher, com seu remix de Shall, uma faixa de 1900 e bolinha. Essa mistura resgata outros tempos da música eletrônica e eu fico pensando quando será que essa atmosfera Techno/Electro vai voltar para nossas vidas? 

Whispers and Wires

Artista: Chris Liebing, Ladan
Gravadora: Mute

O titã do Techno dá as caras na Mute com uma baita track. Isso porque não é sempre que vemos Chris Liebing colocando vocalzão e melodias ondulantes em uma faixa. Não consigo pensar em outra coisa a não ser um super festival lotado de gente, hipnose pura gerada por um Techno sério, reto e metal e essa faixa surgindo para o clímax do set. Eu, hein?

Over Again

Artista: Ramiro Lopez
Gravadora: Fifth On Acid

A Espanha é muito bem representada na esfera do Techno quando o assunto é Ramiro Lopez. Em seu novo lançamento para a Fifth On Acid, temos uma tríade peak time extremamente avassaladora e de energia obscura.

Get Closer

Artista: Echonomist, Phukadelica
Gravadora: Tau

Echonomist retorna à TAU com uma seleção de quatro faixas que vibra na energia do artista: versatilidade e confiança no próprio taco para percorrer estilos. Sonoridades mais cruas e synths retrôs aparecem no bom estilo vintage, o que sim está na moda, mas passa longe do “mais do mesmo”.

Discoteca Italiana

Artista: Musumeci
Gravadora: Diynamic Music

E por falar em bom estilo vintage, nada mais convidativo para um retorno às pistas europeias do que o calor do Italo Disco e afins. São cinco faixas dessa interpretação contemporânea de uma safra tão reverenciada, feitas por Musumeci e convidados.

Best I Ever Had

Artista: Dead Space, G. Felix
Gravadora: Populate Mars 

G. Felix e Dead Space unem as ideias para Best I Ever Had, o two-tracker feito para os amantes da vibração Tech House abarcado por uma gravadora afiada no assunto. Duas faixas com vocais envolventes e linha de baixo contagiante.

Mute Navigator (The Remixes)

Artista: Nick Curly
Remix: Black Circle, Matthias Meyer
Gravadora: Radiant

A faixa-título recebe remodelações de Black Circle e do mestre Matthias Meyer e em ambos os casos temos bastante melodia e sintetizadores que nos remetem às sonoridades atuais, mas é interessante observar como cada artista recriou a faixa. Camadas harmoniosas que enalteceram as qualidades da original.

Warning Signs

Artista: Alan Fitzpatrick, Lawrence Hart 
Gravadora: Anjunadeep

Depois de tanto Techno a la rolo compressor, Alan Fitzpatrick respira fundo e mostra sua nova faceta para a Anjunadeep, em sua estreia ao lado de Lawrence Hart. Warning Signs é uma faixa que mergulha na profundidade do sons progressivos com influências emotivas. Para quem acha que techneiro não tem coração, tá aí a prova que tem sim [risos].

Womb

Artista: Scuba, DoMinii
Gravadora: Hotflush Recordings

Direto das terras britânicas, vamos viajar mais um pouco para o passado. Scuba e DOMiNii unem forças para criar uma nova parceria musical. Womb já é a segunda amostra deles e apresenta a combinação de texturas Euro-Pop anos 90 recheada de synths eletrizantes.

The Class

Artista: Ella de Vuono
Gravadora: Diversall Music

Para concluir a história do Radar, uma artista que merece atenção. Ella de Vuono é brasileira e tem desenhado uma trajetória artística admirável. Ela retorna para sua gravadora com The Class, o terceiro release da Diversall. Um blend entre o Techno e House da velha escola que realmente nos levam para outros lugares.

A música conecta.

Compartilhe