READING

Rock in Rio 2013 aposta em renomados nomes da músi...

Rock in Rio 2013 aposta em renomados nomes da música eletrônica

Quatro horas! Em apenas quatro horas todos os ingressos disponíveis para o Rock in Rio 2013 se esgotaram. Milhares de pessoas disputaram os concorridos ingressos, enfrentaram instabilidade no sistema (a procura foi imensa!), fazendo com que a disputa fosse acirradíssima.Para esta quinta edição, o festival contará com sete dias de festa, mais de 85 atrações, 3 palcos, 2 espaços alternativos e muitas dezenas de milhares de pessoas transpirando felicidade e respirando música.

Do metal ao pop, do rock ao eletrônico, o festival agrada aos amantes de uma boa música, com atrações de peso e sincronizadas de acordo com o dia. No palco eletrônico, mais de 35 nomes, entre nacionais e internacionais, tocarão em uma imensa estrutura: O espaço de 40 metros de diâmetro terá um visual futurista, inspirado na forma de uma aranha robótica, com pilares de 11 metros de altura em forma de patas gigantes que projetam imagens em uma parede. SegundoMiguel Marangas, diretor artístico da Eletrônica, o objetivo desta edição é “unir ainda mais talentos consagrados a novos nomes, apostando em diversidade de estilos, atingindo gostos dos mais variados públicos”.

Para esta edição, o Rock in Rio inovou trazendo o grande David Guetta para tocar no Palco Mundo, abrindo para a estrela pop Beyoncé, no dia 13 de setembro. Já no palco eletrônico, nomes como Vitalic, Loco Dice e Felguk trilham um line up de peso. Abaixo, as principais atrações divididas por dia. Sente só a vibe:

13 de Setembro:
As cariocas Dri.k e Marie Bouret do Sweet Beats abrem esta grande festa e depois Ask 2 Quit, o VJ Vagalume e Life is a Loop continuam a bombar até a entrada do grande nome da noite: o suecoOtto Knows, artista de grande renome (dono da track Million Voices) e que fechará o primeiro dia de festival.

14 de setembro:

A paulista Paula Chalup abre a noite de sábado. Em seguida, uma trinca de DJs renomados e nacionais sobe no palco, em horários diferentes. São eles: Mauricio Lopes, Mau Mau e Anderson Noise. Para finalizar esta noite, o mestre Vitalic volta ao Rio de Janeiro em uma noite cheia de boas surpresas.

15 de setembro:

Finalizando o primeiro final de semana do festival, o trio brazuca Triple Crown (Mary Zander, Nepal e Jonas Rocha) abrem a noite. Wehbba e Renato Ratier continuam e preparam o público para o estranho trio francês do dOP. E a noite se encerra com o lendário DJ Harvey em sua primeira passagem pelo país.

19 de setembro:

Na noite mais peculiar da eletrônica do Rock in Rio, quem abre é o DJ Ride, campeão mundial de scratch. Em seguida, os malucos do The Gaslamp Killer comandam a festa, abrindo para a nova era Techno que surge na cena atual: os franceses Brodinski e Gesaffelstein (foto5) fecham a noite, respectivamente.

20 de setembro:
Aqui a qualidade é quase 100% nacional, com Ferris abrindo, passando para o Rodrigo Viera – que toca antes do projeto Dexter. Mas fechando a noite, ninguém menos do que o inglês Paul Oakenfold sobe nos picapes para delírio geral.

21 de setembro:

A penúltima noite do festival começa com a dupla Flow & Zeo. Em seguida, o DJ argentino Guti toca antes do português DJ Vibe. E em uma noite onde a pluralidade regional parece ser o foco, o excelente produtor alemão Loco Dice dá as ultimas palpitadas no bpm de geral, finalizando o sabadão.

22 de setembro:
Dois projetos iniciam esta que vai ser a última noite desta edição do festival: o interessante Boteco Electro e o curioso Maximum Headrum. Continuando a noite, DJ Marky – grande artista da velha guarda eletrônica nacional -, e em seguida o Felguk quebrando tudo nas picapes. Finalizando esta noite especial, o canadense Tiga será o responsável pelo set-farewell de uma saudosa noite.

Fonte:  Dance Paradise


Equipe de reação do portal Alataj, focada em levar conteúdo cultural ao público antenado na música eletrônica.

RELATED POST

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSTAGRAM
SIGA-NOS