Soul Beat | Total Science

Os anos 90 foram cruciais para o surgimento e expansão das vertentes influenciadas pelas batidas do Hip Hop, desde a chegada do Hardcore e seu desmembramento para o Happy Hardcore — ou Happycore — e o Jungle, que em pouco tempo daria espaço ao que hoje conhecemos como Drum and Bass. Se ele tomou forma e se mantém vivo até hoje, muito se deve à Jason Greenhalgh e Paul Smith, o duo que compõe o projeto Total Science

Reunidos pelo amor ao Hip Hop, o duo se conheceu no final da década de 80, em Oxford (Inglaterra – o berço do gênero), mas ainda levou um tempo para que começassem a trabalhar juntos. Greenhalgh deu início a sua carreira no início dos anos 90 publicando faixas como Freestyle Fanatic e Champion Sound, responsáveis por apresentá-lo ao mercado da música e reforçar o trabalho do label Legend, que lançou algumas das músicas breakbeat mais essenciais já feitas.

Já em 1994 eles começaram a gravar juntos sob o nome The Funky Technicians com You Gotta Believe, o primeiro de uma série de gravações que os aproximaram de uma linha mais suave, misturando as batidas do breakbeat com cordas, melodias e outros experimentos, que atraiu labels icônicas até hoje como Basement, Lucky Spin e Good Looking, até o lançamento de sua própria gravadora, a C.I.A. – Computed Integrated Audio. Nasceu então o Total Science e a partir daí a dupla percorreu uma trajetória impecável.

O duo foi pioneiro no investimento de novas sonoridades dentro do gênero, tanto nos experimentos de diferentes batidas quanto nas melodias que as acompanham, renascendo também sons e arranjos old school e nunca se vinculando a uma forma de som específica, dominando o Drum and Bass anos 2000 a dentro. Eles ainda fundaram uma gravadora irmã da C.I.A. chamada Advenced e criaram a renomada série de mixes Sektor, que a princípio buscava juntar artistas já estabelecidos com outros promissores e deu espaço para grandes nomes como Baron, Digital, D.kay, Lee, dentre outros.

A carreira do Total Science foi igualmente marcada por colaborações com lendas do Drum and Bass e, falando a nossa língua, com o gigante DJ Marky, integrando ao selo Innerground e lançando o álbum CINNA e tantas outras parcerias. O projeto também colaborou com o DJ e produtor brasileiro Bungle em uma faixa intitulada Snake Eyes e, mais do que isso, foi forte influência para o cenário do Drum and Bass em nosso país e no mundo.

+++ “A música me fez ser o que sou, me proporcionou tudo o que tenho.” Leia o bate-papo inspirador que tivemos com DJ Marky!

 

Poderíamos nos estender por muito mais linhas para demonstrar a importância de Jason Greenhalgh e Paul Smith no cenário da música mundial, eis que são consideradas lendas vivas do Drum and Bass e até hoje mantém o gênero vivo, principalmente na Europa, apesar da sua inegável baixa ao longo dos anos. Nossa sugestão é que você passeie não apenas pelas produções do Total Science, mas tire um tempinho para viajar dentro dessa vertente tão surpreendente que marcou uma geração e ainda faz muitos corações baterem mais rápido.

+++ Tem muito mais sobre a história do DnB na nossa coluna Soul Beats!

A música conecta.


Alan Medeiros é publicitário, sócio-fundador do Alataj e nome por trás da Beats n' Lights Management.

RELATED POST

INSTAGRAM
SIGA-NOS